Entrevista com Noel

noel-rosa

     

Noel Rosa era um cara engraçado, se estivesse vivo estaria se divertindo muito com este mundo. Assunto é não ia faltar para suas paródias e sambas sacados. No dia 11 de dezembro faria 98 anos, ele que ouviu os três apitos pela última vez em 1937. 

     Imaginem uma entrevista com Noel Rosa, no dia do seu aniversário. A duas repórteres chegam nervosas, são estagiarias. Não conhecem o homem e ouviram dizer que ele vive fazendo trocadilho. As respostas de Noel são títulos ou letras de suas músicas mais conhecidas. 

Repórter 1 – Bom dia, Noel.
Noel – Cordiais saudações.

Repórter 2 – Quer beber alguma coisa?
Noel – Seu garçom faça o favor de me trazer depressa, uma boa média que não seja requentada, um pão bem quente com manteiga à beça, um guardanapo, e um copo d” água bem gelada…

Repórter 1 – Como você está se sentindo?
Noel – Tenho passado tão mal, a minha cama é um pedaço de jornal.

Repórter 2 – Puxa, que coisa estranha… sempre achei que você fosse forte…
Noel – Quem foi que disse que eu era forte, nunca pratiquei esporte, nem conheço futebol. O meu parceiro sempre foi o travesseiro e eu passo ano inteiro sem ver um raio de sol.

Repórter 1 – Que coisa! Noel, o que você acha da crise econômica mundial?
Noel – Quem acha vive se perdendo.

Repórter 2 – E a política?
Noel – O povo já pergunta com maldade: onde está a honestidade? Onde está a honestidade?

Repórter 1 – Com sua popularidade, não seria uma boa idéia se candidatar ao Senado?
Noel – Meu Deus do céu, que palpite infeliz!

Repórter 2 – Sei lá, com sua inteligência, talvez pudesse fazer projetos culturais, como a música nas escolas, coisas assim…
Noel – Ninguém aprende samba no colégio.

Repórter 1 – O que você gostaria de pedir no dia do seu aniversário?
Noel – O silêncio de um minuto…

Repórter 1 – Desculpa, acho que você não entendeu minha pergunta, eu quis dizer…
Noel – Mas que mulher indigesta! Merece um tijolo na testa!

Repórter 2 – Puxa, Noel… que resposta mal-criada…
Noel – Agora vou mudar minha conduta.

Repórter 1 – Ainda bem…
Noel – Até amanhã, se Deus quiser…

Repórter 2 – Já vai?
Noel – O orvalho vem caindo…

Repórter 1 – Espera um pouco! A gente tem outras perguntas…
Noel – Meu último desejo você não pode negar. (e sai)

Guca Domenico, no Blog do Guca

Explore posts in the same categories: Lendo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: