O que será que será…

 

maquina

 

Ela, triste: “Gostaria que você me desse flores.”

Ele no dia seguinte:  “Meu amor, trouxe flores para você.”

Ela, brava:  “Agora não quero, você não foi espontâneo.”

(anônimo)

Explore posts in the same categories: Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: